sábado, 6 de outubro de 2012

O que és?

Cansado, desnaturado, cheio de papo.
Deambulas na estrada sem fim, que tem desvios na linha recta.

Apazigua a memória e vê para a frente.
Para trás passou, aconteceu desapareceu.

Novas pessoas, família continua.
Novos momentos, momentos solo.

Ergue-te no reflexo do que és,
Não no espelho do que queres ser.

Sê uma pessoa irracional, racional é complicado quando a sociedade está inversa.

Cansado, desnaturado.
Tenho o papo,
Cheio de pano.


Sem comentários:

A Mancha Humana

Philip Roth assume-se neste momento como o escritor que mais gosto de ler . Este é o meu segundo livro dele. E com o mesmo quero começar a ...